sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Fechamento - Março de 2011

O mês de março foi marcado por uma grande quantidade de dividendos recebidos, além de um novo integrante à minha carteira de ações. Além disso, eu estava dando continuidade ao meu plano de balanceamento da minha carteira através dos aportes. Outra grande mudança que houve foi a drástica redução do custo de taxa de corregem, tendo em vista que troquei de corretora. Vamos aos números:


Aporte de R$1.186,25 (Dinheiro novo + dividendos)

Dividendos recebidos:
CIEL3: R$307,71
PETR4: R$12,70

Compras
Data
Código
Quantidade
Preço
Total
2/3
GRND3
100
R$9,28
R$928,00
10/3
BBAS3
9
R$28,50
R$256,50

Carteira de ações e tabela de preço médio e valorização histórica:
Código
Quantidade
Preço médio
Fechamento  Abr/2011
Valorização Anterior
Valorização atual
CIEL3
500
R$12,72
R$13,84
3,2%
+8.8%
BBAS3
109
R$31,18
R$29,55
-5,3%
-5.2%
FRAS4
500
R$4,06
R$3,55
-10,5%
-12.5%
PETR4
100
R$27,55
R$28,51
3,7%
+3.4%
GRND3
100
R$9,28
R$9,60
----
+3.4%

Valor da carteira: R$15.726,00




 
Carteira com valorização de 2,12% em comparação com o mês anterior e com valorização de 0.19% no ano (desconsiderando os dividendos).

Pela primeira vez a carteira está positiva no ano, isto graças à ação de maior peso da minha carteira que está cobrindo com um pouco de folga o resultado negativo das outras ações. Mas ainda é muito cedo para comemorar. Vamos continuar investindo, reinvestindo e mantendo a disciplina.

Seguindo sempre com disciplina e determinação!

Rumo aos 20 mil !!

3 comentários:

  1. Recorrendo aos companheiros de blog, antes de tomar uma decisão,

    Uma dúvida ,
    Vale a pena comprar um imóvel na planta que esta sendo vendido a 112 mil a prazo por 90 mil a vista, sendo que os 90k seriam financiados a 0,7% ao mês? A idéia é alugar o imovel até que ele sofra uma boa valorização de até uns 130K e em seguida vende-lo quitando o financiamento.

    PS: Não tem nada ver com o post mais as opinões dos colegas de blog são importantes!
    abços

    ITM

    ResponderExcluir
  2. Olá ITM,
    Não entendo de imóveis pois não tenho experiência com o ramo e nem conhecimento técnico possuo, mas posso dar meus pitacos.

    Já li comentários sobre investimentos em imóveis e o investidor experiente dizia que o lucro não vem apenas do preço da venda. Ele vem principalmente do preço que voce está comprando. Ou seja, mais do que vender caro, tem que comprar bem barato.

    Além disso, imóvel tem um preço mais subjetivo que ações por exemplo, que sabemos a um clique o quanto as pessoas estão dispostas a pagar.

    Lembre-se que você deverá colocar na ponta do lápis se realmente vai ter um lucro. Vai ser financiado 90k, então você no final das contas vai ficar pagando este financiamento, com juros, enquanto não repassá-lo a outra pessoa.

    Tenho um amigo que comprou imóvel na planta e está um pouco desesperado pois surgiu outros gastos, então veja bem se não há outros custos como juros de obra, algum indexador (que corrige o preço através de um índice como o ICC por exemplo, muito comum em imóveis na planta), e coloque também custos de escritura, juros de financiamento, impostos, etc. Faça bem os cálculos e veja se compensa.

    E outra, financiamento a 0,7% a.m? Você é servidor público e vai financiar pela Caixa? Não tenho certeza, mas há umas modalidades de financiamento que o impedem de alugar um imóvel, sob o pretexto de enriquecimento ilícito às custas do Estado. E não se esqueça que você paga imposto de renda pelo aluguel, além de o imóvel ser um custo enquanto não estiver alugado. E muitas vezes, o aluguel chega a render menos que poupança.

    Cuidado com os custos invisíveis, pois eles existem. Imóvel na planta normalmente tem muita coisa por trás.

    Não sei quanto tempo você tem para analisar essa oportunidade, mas você tem que ver realmente se vale a pena. Então recomendo a ver com muita calma para ver se compensa.

    Se eu fosse investir em imóveis, eu estudaria não os imóveis na planta, mas os imóveis ocupados! São imóveis em leilão, vendidos abaixo do preço de mercado, mas que muita gente não se interessa por muitas vezes estar ocupado. Desocupar hoje em dia não está tão difícil. Tem um blog legal sobre o assunto na minha lista de blogs. Vale a pena dar uma lida.

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Obrigado pela atenção!

    Creio que a sua opinião é bem sensata e hoje minha esposa conversou com um amigo nosso muito experiente no ramo aonde me deu umas sugestões por experiência própria:

    - Não comprar nada financiado em especial imóvel
    - Comprar terreno em vez de casa, apto...
    - Não comprar terreno em condominios fechado evitando as taxas de condominio caso vc fique como terreno por um bom tempo.
    - Comprar terrenos baratos incialmente até ter um bom capital.

    Ele tem um amigo que era catador de papel e com tempo montou um vendinha e todo dinheiro que sobrava ele compra um terreninho e para abreviar ele é dono de uma rede de supermecados hoje e tem uma renda so em imovel tem uma renda de 400k por mes. Segundo ele o que possibilitou ele a ter o supermecado foi o investimento em terrenos pois ele diz que é a única coisa que o governo nao tira da gente.

    Eu devo no inicio do ano que vem começar a comprar um terreno por ano e penso tb em construir para vender juntamente com meu cunhado que tem uma experiência de anos trabalhando em casa de material de construção; a partir de agora vou planejar direitinho para o ano que vem.

    abços

    ITM

    ResponderExcluir

Anônimos, contribuem e deixem um nome para que seja possível outras pessoas fazerem referências, estabelecendo melhor a troca de ideias. Educação é sempre bem vista.
Mensagens de trolls serão moderadas.