sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Você pergunta, o blog responde - 6


Hoje a pergunta é do colega Bruno:

"Olá!
Tenho a seguinte dúvida: Investimento a curto prazo na previdência privada rende mais que a poupança? Vou explicar melhor o meu caso.
Tenho um capital inicial de R$130.000,00 e aportes mensais de R$2.500,00 e pretendo dar entrada em um apartamento em aproximadamente 3 anos (36 meses).
Este montante investido na poupança renderia, aproximadamente 0,47%/mês ou 6%/ano, correto? Logo, ao final de 36 meses teria um total líquido de R$252.939,28 e um rendimento líquido de R$122.939.28 (fiz uma planilha no excel).
Este montante investido na previdência privada rendeira aproximadamente 0,79%/mês ou 9%/ano.  Logo, ao final de 36 meses teria um total bruto de R$276.186,85. Descontando 10% do IR sobre o rendimento (276.186,85 - 130.000,00 = 146.186.85), o rendimento líquido seria de R$131.568,17.
De acordo com meus cálculos, o rendimento da previdência privada está R$8.628,89 maior que a poupança.
Quem me passou os valores de rendimento foi a gerente da minha conta.
Meus cálculos estão corretos? Se não, onde está o erro? Previdência privada NO MEU CASO vale mesmo mais a pena que a poupança?"


Olá Bruno,
Cara, eu sou muito suspeito de responder esta pergunta, pois sou desconfiado de todos os produtos bancários. Sou mais desconfiado ainda quando o produto é oferecido por um gerente de banco. Por causa de minha desconfiança, eu nunca me interessei em aprofundar meus conhecimentos de Previdência Privada (PP).
Como via de regra, assuma que qualquer produto bancário oferecido por um gerente de banco é vantajoso para o banco, e não para você. Eles são vendedores, e não consultores de investimentos.
A maioria das PP's possui algumas taxas que remam contra o rendimento do investidor. Uma taxa bem conhecida é a taxa de carregamento.
Para uma maior credibilidade, você poderá acessar este LINK, direto da fonte, que explicar o que é esta taxa. Em outras palavras, ela e uma taxa que incide sobre seu aporte.
Vamos supor que o banco cobre 2% de taxa de carregamento. Toda vez que você aportar seus R$2.500,00, o banco ficará com 50 reais para ele. Ou seja, apenas R$2.450,00 estariam contando para os rendimentos. Como você pretende fazer cerca de 36 aportes, o banco ficaria com R$1.800,00 para ele, sem fazer esforço nenhum. E nem comentei sobre o aporte inicial de R$130.000,00 ou sobre a possibilidade desta taxa ser maior que 2%. Imagine uma taxa de 5%!
Há também a taxa de administração, que de acordo com o link, se destina a cobrir as "despesas de administração do fundo". Ela é uma taxa anual, mas incide diariamente sobre o saldo do fundo. Imagine o banco garfando 2% do total do seu suado dinheiro. Cada centavo retido fará diferença.
Há um tempo de carência para forçar o investidor a resgatar apenas em um determinado prazo. Desconfio que esta carência funciona igual aos títulos de capitalização. Seu funcionamento é mais ou menos assim: vamos supor que você investiu seu dinheiro no mês de outubro. No contrato está escrito que a carência é de 1 ano, ou seja, só poderá resgatar em outubro do ano que vem, ou reaplicá-lo. Se resgatar antes, vai pagar multa (cara, por sinal). Aí você pensa, "deixa, vou resgatar somente em dezembro do ano que vem". Mas... e se em outubro esta carência reiniciasse? Quando chega outubro do ano que vem, o contrato prorroga para o próximo outubro, que prorroga para o próximo e assim por diante, sempre reiniciando a carência. Ou seja, mesmo tentando resgatar seu dinheiro (já todo comido por taxas) para dezembro do ano que vem, vai pagar a multa, pois a carência só "fecha" em outubro. Isso acontece nos títulos de capitalização e acredito que acontece nos planos de previdência privada.

E se você pesquisar, deve ter muita coisa embutida neste plano. Dependendo do plano que o gerente tentou te empurrar, há a possibilidade do Imposto de Renda ser cobrado sobre o total investido, e não apenas sobre o rendimento.

Garanto que o gerente se limitou a dizer apenas sobre o rendimento anual e fez uma comparação com a poupança, não?
Não é a toa que os gerentes adoram empurrar PP e título de capitalização para seus clientes. Cada gerente possui uma meta (X títulos de capitalização, Y PP's, etc). Os bancos ganham muito com isso.

Não gosto de propor diretamente um investimento. Mas como você possui uma data de resgate e está apenas procurando um investimento que renda mais que a poupança, que tal investir em Tesouro Direto?
No dia desta postagem, uma LTN 010116 está rendendo exatos 9,00% ao ano. Descontando todos os custos e impostos envolvidos, você poderia contar com um rendimento líquido de 7,43% ao ano, que está acima da poupança. Caso tenha receio da inflação, há o título NTNB Principal 150515, que rende 3% acima da inflação. O dia de resgate desses títulos está no próprio nome deles.
Para investimentos com prazo acima de 2 anos, o Tesouro Direto é uma boa alternativa. Criar uma conta em uma corretora é simples e fácil. É mais fácil que criar conta em banco. Além disso, muitas corretoras não cobram nada para custodiar seus títulos. Acredito que vale a pena investigá-los.
Mas eu descartaria este PP que te ofereceram.

PS: É um caso a se pensar. Seu gerente disse que o PP renderá cerca de 9% ao ano. Coincidentemente, os títulos estão rendendo a mesma coisa. Será que eles pegam o seu dinheiro e investem em títulos, cobrando taxas abusivas por este serviço? Ou é mera coincidência?

Mande sua pergunta para alemdapoupanca@gmail.com

41 comentários:

  1. Concordo... Os bancos só oferecem o que é bom para eles... NUNCA confie no seu simpatico gerente. By the way, O Banco CRUZEIRO DO SUL foi liquidado. Será que demorará muito agora para o SOFISA DIRETO também ser liquidado pelo BC?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É por isso que eu gosto de ser sócio dos bancos. Os gerentes são simpáticos e arrecadam muito dinheiro. Infelizmente este é o capitalismo selvagem.

      Abraços

      Excluir
    2. como assim, ser "sócio dos bancos" ? (desculpe a burrice!!)

      Excluir
    3. Se não pode vencê-los, junte-se a eles.
      Eu gosto de ter ações de bancos em meu portfólio.

      Abraços

      Excluir
    4. comparar o cruzeiro com o sofisa é igual comparar o panamericano com o bic banco, vamos estudar pessoal

      Excluir
  2. Fala, AdP!

    A maioria desses Planos de Previdência funcionam como fundos de renda fixa: investem em títulos do governo e etc.

    A única vantagem deles, ao meu ver, é que caso vc fique impedido de trabalhar ele pelo menos arruma um salário pra vc (ao invés de ficar com a miséria do INSS)

    Este é o ÚNICO motivo pelo qual eu tenho PP.

    Sobre o post, eu recomendaria o rapaz investir no TD, mas diversificando com taxas pré e pró, pois do futuro ninguém sabe. Apesar de todos estarem contando com contínua redução na SELIC, a inflação esse ano tá querendo beijar o teto. Continuando dessa maneira, o BC não terá outra alternativa que não aumentar os juros.

    Masssssss se ele for pegar no resgate MESMO, então não teria tanto problema assim pegar os títulos com taxa pré.

    Ou não! hahahaha

    Mas creio que utilizar um PP neste caso não é boa ideia, não... teria q fazer mta conta pra ver, mas acho que não valerá... enfim...

    []s!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho que o TD, para ele que quer comprar um imóvel e já possui data de resgate estabelecida, é a melhor escolha.

      Abraços

      Excluir
    2. Me parece que tem outra vantagem. Aparentemente é mais fácil transferir o dinheiro que está em uma previdência privada em casos de morte. Já ouvi falar que quando a pessoa está muito velha, compensa colocar parte em PP, pra facilitar a vida dos dependentes.

      Como eh um assunto que por um bom tempo n me interessará, nem procurei saber direito como funciona. Mas parece que tem algo nesse esquema.

      Excluir
    3. Existem maneiras menos onerosas de evitar impostos de transmissão... Basta concentrar os bens numa empresa cofre, criada para administrar os próprios bens... Facilita sobremodo problemas de herança...

      Excluir
  3. Brilhante AdP, Banco só serve para ter Conta Corrente para os trâmites do dia a dia. Investir em produtos bancários é igual comprar terreno no céu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou contra os serviços bancários. Sou um péssimo cliente para meu banco. Meu cartão de crédito é sem qualquer taxa, minha conta é sem qualquer taxa. Nem meus DOC's são cobrados.

      Abraços

      Excluir
    2. Estou com você AdP! Não pago anuidade de cartão, mensalidade de conta e nem os DOC's. E olha que sou cliente BB Estilo(onde tudo é mais caro). Abraço!

      Excluir
  4. Fiquei na duvida em uma coisa... um plano de previdencia por 3 anos e IR de 10%? Ou esse plano é antigo e tem mais de 10 anos, ou tem algo estranho nesse valor de IR, é isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade.

      Para um prazo de 3 anos (acima de 2 até 4 anos) a taxa de IR seria de 30%.

      Não existe isso de 3 anos ter IR de 10%. Esse gerente é esperto, viu?

      Cuidado

      Excluir
    2. Exatamente @Ostra, muuuuiiiiito estranho esse percentual. 10% de IR só no regime regressivo e após 10 anos. Isto é, os aportes com mais de 10 sofrem tributação de 10% e os mais recentes (até 2 anos) são tributados em consideráveis 35% (35% para aplicações de até 2 anos; 2) 30%, entre 2 e 4 anos; 3) 25%, entre 4 e 6 anos; 4) 20%, entre 6 e 8 anos; 5) 15%, entre 8 e 10 anos; 6) 10%, para mais de 10 anos.)

      Se for VGBL, somente sobre o lucro mesmo. Mas se for PGBL, a tributação será em cima de todo o valor investido. Temos ainda que considerar a taxa de administração, famosa come contas, que é sempre aplicada em cima do valor do total (chamada de reserva).

      Considero uma verdadeira covardia gerentes de bancos oferecem previdência como opção de investimento. Previdência Privada só serve para benefício fiscal (pra quem faz declaração completa) e para aposentadoria (longíssimo prazo).

      Excluir
    3. Olá Ostra,
      Procurando o assunto no sítio da Receita Federal, concluí que estes 10% foi provavelmente mais um gogó do gerente do banco.

      http://www.receita.fazenda.gov.br/pessoafisica/irpf/2012/perguntao/perguntas/pergunta-171.htm

      10% de IR só se o investimento estiver por pelo menos 10 anos.

      O IR é regressivo. Fica entre 35% e 10%, mas o gerente foi malandro e só informou os 10%.

      Abraços

      Excluir
    4. Isso mesmo AdP, e 10% depois de 10 apenas p aportes com mais de 10 anos, os aportes recentes são ate 35%, dependendo do valor.
      Gerente enrolando legal rsrs
      Bjs

      Excluir
    5. Sim, kkkkk. E agora que eu percebi, o próprio link da receita refere como "pergunta 171" kkkkkkkk.

      Abraços

      Excluir
    6. Neeeeeeeeem reparei nestes 10%! Fato q é papinho !

      Excluir
  5. Boa tarde AdP. Gosto de seu blog. Sou um analfabeto financeiro, com dinheiro para investir. Mas tenho a mesma visão do anonimo acima e a sua : Banco só oferece tranqueira. É só ver os títulos de capitalização. Estou com uma LCI aplicada por 6 meses no Sofisa, e o comentário acima me deixou preocupado. Você acha que o Sofisa pode mesmo vir a ser liquidado? Ass.: Dúca7

    ResponderExcluir
  6. Olá Dúca7
    Qualquer resposta que eu possa dar seria um achismo, pois conhecimentos profundos de bancos estão fora do meu quadrado.
    O que eu posso te falar é o seguinte. Os balanços do Sofisa são públicos porque ela é negociada na bolsa de valores. Se baseando apenas nos balanços divulgados, pode-se concluir que, apesar da empresa não ser nenhuma Brastemp, não está mal das pernas. Entretanto, a possibilidade da empresa estar maquiando os balanços é maior do que das outras empresas, haja vista que os recentes escândalos parecidos foram provenientes de pequenos bancos. Parece que os bancos tem facilidade em manipular balanços. Inclusive o próprio Banco Central vem demorando um pouco para detectar ilegalidades.
    De qualquer forma, se informe sobre o Fundo Garantidos de Crédito. Parece até nesses casos ele garante até 70k reais.
    No seu caso, particularmente eu não estaria preocupado.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado AdP... Realmente, o valor lá investido é inferior a 70,000.00 portanto não vou me estressar. Com relação ao melhor investimento hoje de segurança no curto prazo concordo que seja o TD fundos NTN-B principal. Abraços, Dúca7

      Excluir
    2. O FGC garante 70k por CPF.

      Caso vc esteja gostando do investimento e quiser colocar mais, é recomendado arrumar um outro CPF! hehehe

      []s!

      Excluir
    3. Quando passar o valor coloco na conta da minha muié!

      Excluir
  7. Po, vocês ficam melando meus negócios...

    bando de malas...

    ResponderExcluir
  8. Com o recente anúncio do Banco Central Americano você acredita que haverá uma "paz" até 2015 nos mercados mundiais e chances de recuperação ampla da BOVESPA e valorização dos titulos publicos de longo prazo? AnoniJoe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não consigo vislumbrar um único momento de paz em nenhuma época. Hoje é Europa, amanhã é um setor, um país, a inflação, commodities, guerra, terremoto, uma multinacional, ataque terrorista, dentre outros. O mercado sempre acha alguma coisa para não ficar em paz.

      Abraços

      Excluir
  9. Por que não usar o capital disponível para dar entrada agora num imóvel de lançamento? A valorização muito provavelmente será superior a da poupança e daqui 3 anos o imóvel estaria pronto.

    ResponderExcluir
  10. Imovel? Com a atual bolha imobiliaria que já vivenciamos? Não... embora a bolha não vá estourar agora, nos proximos anos viveremos estagnação dos preços... Com risco até mesmo de uma queda lenta deles.

    ResponderExcluir
  11. Olá AdP!

    Realmente os gerentes de banco são excelentes vendedores, eu mesmo cai no conto do Consórcio como investimento mas descobri que na verdade tem rentabilidade negativa e cancelei o quanto antes. Queria trabalhar no banco para aprender essas técnicas de venda e relacionamento interpessoal, uma hora consigo rsrs.
    Quanto as dicas que deu sobre o Tesouro sou totalmente a favor, inclusive a questão de receber dinheiro como 'salário' da Previdência pode ser trocado por um título que pague cupom semestral.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Incrível como eles conseguem obter a confiança das pessoas. Muitos quando juntam uma grana, pensam em primeiro lugar no gerente do banco para se consultar. Sorte que até quando eu era um analfabeto financeiro, eu já desconfiava desses caras.

      Abraços

      Excluir
    2. Se vc é sorteado no início, o Consórcio é bom negócio. Mas este é o problema: é bom pros contemplados no início.

      Os que ficam por último realmente perdem dinheiro.

      []s!

      Excluir
  12. Muito bom o artigo.
    Esse efeito da previdência privada na aposentadoria é como? No final, depois de investir determinado tempo na previdência, é possível cancelar os aportes mensais e a partir do montante acumulado, essa previdência te dará um valor mensal?

    Se for isso, no meu ver é mais vantajoso fazer isso diretamente, seja investindo em títulos públicos para uma pessoa conversadora, ou alocando o dinheiro na bolsa de valores, e remunerando esse dinheiro através de opções, a chamada venda coberta que oferece um risco reduzido. Muitos endinheirados fazem ou faziam isso, enchiam o bolso de petrobrás e entravam no mercado de opções com venda coberta e dessa forma conseguia uma renda mensal através dessa técnica.
    É vantajoso, pois a carga tributária é menor, mesmo existindo IR obrigatoriamente em opções independetemente do valor alocado, mas a estratégia funciona.

    O que acha dessa estratégia AP? Encher o carrinho de petrobrás e viver da renda proporcionada pela venda coberta?

    Ao invés de investir nas elétricas e viver dos dividendos, até porque o dividendo tem que ser reinvestido para seu capital crescer, e representar essencialmente uma parte do seu investimento, como se você investisse 100 reais e depois ficasse com 90 + 10 reais de dividendo. O que acha?!

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que a PP funciona assim mesmo como você falou. Depois de um tempo os aportes cessam e você terá apenas os saques. Mas devem ter outras modalidades de PP.
      Eu também prefiro fazer isso sozinho.
      Lucas, para quem sabe controlar o risco, esta pode ser uma boa estratégia. Mas viver de venda coberta não é comigo. Eu faço uma aqui, outra acolá, e estou feliz assim. Eu quero é viver de dividendos e rendimentos. Muito mais tranquilo.
      Você fica com 90 + 10 reais de dividendos, mas com 10 reais você compra mais ações, e aumenta sua participação na empresa. Na próxima vez, você receberá mais que 10 reais de dividendos, pois terá uma quantidade maior de ações.

      Abraços

      Excluir
  13. AdP na atual conjuntura economica, e para uma pessoa sem necessidade de liquidez por anos, qual seria a melhor estratégia num perfil conservador? NTN-B principal ou vc tem outra ideia? Abços, DúCa7

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É importante que você se informe e procure boas informações de consulta. Alguns livros são fontes de informação importante para formar a sua base em investimentos.
      Não sou a favor de opinar diretamente sobre a melhor forma de investir para outras pessoas, mas acredito que NTN-B Principal é uma boa alternativa para quem quer investir a longo prazo, correndo baixo risco. Este título fornece proteção para a inflação, desde que ela não dispare absurdamente.
      Entretanto, talvez não seria má ideia você deixar uma pequena parte deste conservadorismo e partir um pouquinho para as ações. Longo prazo e pouca necessidade de liquidez é um bom conjunto para quem tem apetite em investir em empresas lucrativas.

      Abraços

      Excluir
  14. 9% ao ano? Os Bancos são uns Ladrões. Com a inflação de 15% ao ano? Você vai perder capital e poder aquisitivo. Invista em algo que te renda mais de 20% ao ano.

    ResponderExcluir
  15. Dae AdP,

    Já ouviu falar da Icatu? Parece que tem uns planos de previdência bem legais, mas quase inacessível para quem tem pouca grana. Mínimo 500 reais por mês.

    Eles tem uma PP de Gestão Ativa (http://www.infomoney.com.br/onde-investir/detalhes-fundo/16297/icatu-seg-ipca-fic-fi-renda-fixa--------) que parece ser bem interessante.

    Porém, surgiu uma oportunidade:
    - Sem taxa de carregamento
    - Taxa de Adm. 1,5%
    - INVESTIMENTO MÍNIMO MENSAL: R$ 100,00

    No meu caso entraria em um VGBL. Estou comparando essa oportunidade com a aplicação da mesma grana em um fundo de Renda Fixa, e parece ser mais vantajoso.

    O que acha?

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não gosto de PP's. O único PP que talvez seja vantajoso é o que possui a contrapartida de alguém, daqueles tipos de "a cada 1 real investido a empresa coloca 0,50". Mesmo assim ainda sou desconfiado.
      Deixar meu dinheiro para outros administrarem para que, se eu mesmo posso administra-lo? E ainda vão cobrar 1,5% de você?
      Entretanto, a rentabilidade deste não tem vindo razoável. A questão é saber (1) se será mantido e (2) se compensa mesmo com os 1,5% de adm e o Imposto de renda.

      Abraços

      Excluir
  16. A Ceinbra é um site de grupo de investimento, onde buscamos reunir membros para trocar conhecimentos, e tem como objetivo oferecer informações sobre aprendizagem e compartilhamento do mercado de ações. www.ceinbra.com.br

    ResponderExcluir

Anônimos, contribuem e deixem um nome para que seja possível outras pessoas fazerem referências, estabelecendo melhor a troca de ideias. Educação é sempre bem vista.
Mensagens de trolls serão moderadas.